19 de janeiro de 2013

bolo e café

Uma experiência que fiz, estava curioso com o movimento Urban Sketch e este foi o primeiro resultado. É mais difícil que pensava, os tamanhos dos objectos saíram mal e mal se reconhece os edificios. Mas o objectivo é desenhar o que se vê em poucos minutos.

6 comentários:

Olinda P. Gil © disse...

Gosto da ideia.

Soubesse eu desenhar

Ana C. Nunes disse...

Rui, ficou muito giro! Eu adoro este tipo de exercícios (embora eu seja péssima nisso) e o teu traço é muito bom para isto. Vais fazer mais?

rui alex disse...

Olinda,
É um exercício interessante.
Há um movimento de artistas que fazem isto (ver http://urbansketchers-portugal.blogspot.pt) por todo o país. Talvez haja alguns na tua cidade.
Não há impedimentos para desenhares, experimenta, o que resultar é o teu estilo. Foi há pouco mais de um ano que experimentei escrever, por exemplo... e continuo sem saber escrever, eu é que disfarço :D


Ana,
Obrigado:)
É algo que acho que farias bem, já tens o traço solto na tua rúbrica Lápis Proibido.
Vou fazer mais, sim. Realmente é algo giro de se fazer.
Vou só aguardar por dias de sol :)

Olinda P. Gil © disse...

Vou espreitar!

Daniel Maia disse...

Não ficou mal! Desenhar é vista é um exercício importante, não tanto pelos resultados - embora ajude a moldar o nosso traço - mas pelos benefícios sucedâneos (memória visual, esforço além da zona de conforto, etc). Tenta não "procurar" um bom desenho; nem devias de partilhar o que esboçares, para não se criar no subconsciente aquele instinto de querer fazer um brilharete ;)

Keep it up! :)

DM

rui alex disse...

Olá, Dan!
Ainda não pratiquei muito mas espero sentir esses desejados benefícios, gostava de uma frescura no desenho e também penso que é um exercicio importante.
Quanto ao brilharete, eheh, não sei se o posso evitar :D Tento sempre atingir um resultado que me satisfaça apesar de não ser o propósito do exercicio. Talvez pelo menos aqueles que conto publicar no blog ;)

Obrigado pelo comentário!